Postagens em Poehsi
Segredo

Sempre que vens n’horizonte onírico | Este que tanto, há dias, redijo | No silêncio das ínfimas auroras | Escuto a lamúria do impossível | Guiada no teu semblante agradável | Este que olho de instante à instante | E vejo minh’escrita…

Leia Mais
Human'essência

N’este Crihmòn assente estão os versos de Maegih, os símbolos e sigilos de sua cabal efetivação. Desvelo em tais páginas as letras do absoluto de minh’essência, precisas para o manuseio límpido e consciente do Todo que há e do Tudo que veio-a-ser.

Leia Mais
Crihmòn, PoehsiOanna SeltenComentário
Versos à Lúcifer I

N’este Crihmòn assente estão os versos de Maegih, os símbolos e sigilos de sua cabal efetivação. Desvelo em tais páginas as letras do absoluto de minh’essência, precisas para o manuseio límpido e consciente do Todo que há e do Tudo que veio-a-ser.

Leia Mais
Poehsi, CrihmònOanna SeltenComentário