A Saudação Aehn Ehscia e seu significado.

 Foto de  Annie Spratt , Edição de Oanna Selten

Foto de Annie Spratt, Edição de Oanna Selten

Após o intenso debruçar-me à Illnmtthr*, as palavras Aehn e Ehscia vieram de encontro à minha intuição e à minha razão. Criadas com o princípio de criação de palavras da Linguagem Ílus*, Aehn Ehscia veio-a-ser e em sua essência descansa a significação do inestimável valor da Escrita que é a única ferramenta que proporciona à Humanidade imortalidade e atemporalidade; e da Linguagem, que em vínculo à Escrita, nos ascende à transcendência.

~

*Illnmtthr é uma palavra da linguagem Ílus* que é uma linguagem desenvolvida por mim para alcançar a Consciência Absoluta. Saiba mais em: A Filosofia Da Consciência Absoluta | Emnehvss Innom

~

De modo mais claro e, porventura, menos Filosófico, Aehn Ehscia é um Apotegma de Poder. Apotegma de Poder é um dito ou palavra memorável que nos dá Sentido ao proporcionar significatividade para a Existência, este Sentido é como uma real certeza que afasta o desequilíbrio da tríplice Humana: Sentir & Intuir, Pensar & questionar, Compreender & Transcender. Quanto este desequilíbrio fenece, vivenciamos puramente o poder de autorrealização, pois nos aproximamos da Consciência Absoluta. Apotegmas de Poder precisam ser pronunciados/escritos com frequência para estimular o retorno à Consciência Absoluta que, muitas vezes, por causa da quotidianidade e dos medos e angústias instaladas em nossa vida, acabamos por nos desvincular dos Sentidos, das reais certezas e das etéreas significações; Apotegmas de Poder nos levam de volta aos Sentidos quando deles nos desviamos.

Enquanto Apotegma de Poder, Aehn Ehscia pode ser pronunciada/escrita de quatro formas: 1) Como Cumprimento, 2) Como Reverência, 3) Para Autoconhecimento e 4) Para Invocação. Discorrerei de modo simples sobre estas quatro formas de pronúncia e escrita.

Enquanto Cumprimento, Aehn Ehscia é uma saudação que significa: Esteja sob Ehscia p’r’alcançares os distantes Sentidos e para mantê-los no Ser. Esta saudação faz-se em geral a todos os que reconhecem Ehscia e que vivenciam a Filosofia da Consciência Absoluta. Ehscia (pronuncia-se êsciá) é uma Palavra Ílus de Nível Elementar, isso significa que ela é de fácil compreensão. As palavras Ílus não são traduzíveis, mas carregam consigo um excerto explicativo que visa suscitar no Iniciante em Ílus, a compreensão intuitiva da palavra (Importante dizer que muitos os que se iniciarem na Linguagem Ílus poderão questionar o valor da mesma, dado que se baseia na intuição e na subjetividade; se há esta dúvida em relação a seriedade de Ílus, seu valor e sua validade, por favor leia o texto Omnexistentium Ehrithyum, parágrafo III e conseguintes).

Excerto explicativo de Ehscia: Existir pela Linguagem; ser imortal pela Escrita; as Palavras em exímio valor mesmo quando silêncio. Se falas, compreendes; se compreendes, reconheces; se reconheces, escreves; se escreves, transcendes.

Ehscia é usada sempre para se referir à Linguagem e à Escrita não como algo do interior do mundo, nem como uma ferramenta de comunicação humana; mas sim como um Sentido que guia o Ser. Em Português, e em outros idiomas, existem os dicionários que, de modo técnico, definem os significados das palavras. A Escrita, por exemplo, é definida como ação ou efeito de escrever, de representar algo por sinais gráficos. Em Ílus isso é impossível, pois considera-se que as palavras vão além disso e sempre representam essências e significações profundas do Ser.

Enquanto Reverência, Aehn Ehscia é uma expressão cujo objetivo é trazer à tona o vínculo que se tem com Ehscia, bem como reconhecê-la em seu inestimável valor e demonstrar gratidão à sua existência (Importante dizer que ‘demonstrar gratidão’ não é enxergar Ehscia como uma entidade que deve obter nossa gratidão, mas sim como um Sentido que gratifica a Existência singular. É como ser grata por estar feliz, ou ser grata por amar). Nesse sentido, Aehn Ehscia pode ser pronunciada ou escrita em qualquer ocasião, de maneira solta, na solidão ou não.

Para Autoconhecimento, Aehn Ehscia é um guia para o voltar-a-si-mesmo que nos possibilita ir além de nossos limites humanos. Nesse caso não há necessariamente a pronúncia ou a escrita, o que há é o uso de Aehn Ehscia como plano de fundo das ações, dos pensamentos, dos sentimentos, das escolhas. Significa lembrar-se de Ehscia antes de qualquer coisa.

Por fim, a Invocação. O uso de Aehn Ehscia como Invocação só pode ser revelado aos Iniciados na Filosofia da Consciência Absoluta, no entanto adianto que a Invocação não tem caráter espiritualista. Os rituais dentro da cultura Ehrithyum são importantes, pois que eles nos ajudam a manter o equilíbrio e a eutimia que são cruciais para o alcance da Consciência Absoluta; não é sobre culto ao sobrenatural ou ao sobre-humano, não é acerca de invocar entidades. Invoca-se apenas consciência e poder de manipulação do tudo o que há e veio-a-ser — eis o porquê de sua essência só poder ser revelada aos Iniciados, é deveras complexa e necessita profundo estudo.

Aehn (pronuncia-se áên, com a língua entre os dentes frontais ao pronunciar o N) não é uma palavra como as demais, não possui nível, tampouco excerto explicativo. Ela é um Termo de Expressão que tem seu próprio poder, compreendido no mais alto grau de transcendência. Em termos simples, é como uma “palavra mágica”. Decerto que é errôneo comprará-la a uma palavra mágica, pois que nada da cultura Ehrithyum é fantasia, e nada está vinculado ao ocultismo ou a qualquer Religião/Filosofia que existe ou existiu na cultura humana. A cultura Ehrithyum existe por si mesma, tem sua própria Filosofia; por isso é importante a leitura de Omnexistentium Ehrithyum, lá explico o quão real, tangível e verossímil é Ílus, Ehrithyum, Aehn Ehscia e etc. A comparação de Aehn a uma “palavra mágica” é uma forma de tornar Aehn Ehscia acessível àqueles que não iniciaram ou que não iniciarão a leitura da Filosofia Da Consciência Absoluta e, consequentemente, a Linguagem Ílus. Aehn Ehscia é sobre devoção plena à escrita e eu almejo que isso toque todos os Seres, não somente os Iniciantes ou Iniciados em Ílus e Emnehvss Innom.

~

Os símbolos ao redor de Aehn Ehscia

A Simbologia é muito importante para o universo de significações de Ehrithyum, pois elas comunicam Sentidos diretamente à consciência-anterior*. Sendo a Filosofia da Consciência Absoluta o propósito primeiro, é imprescindível um meio direto de comunicação com todas as consciências. A Simbologia e a Linguagem Ílus são esses meios de direta comunicação com as consciências, especialmente a consciência-anterior que é mais difícil de ser acessada. 

*Somente os Iniciados em Ílus aprendem sobre diferenciação das consciências.

Símbolos.png

Estes são quatro dos principais símbolos criados por mim. Os Iniciados em Ílus podem conhecer profundamente o significado dos últimos três símbolos; e qualquer um que ler minha autobiografia poderá entender razoavelmente o significado de O.A.N.N.A. que é uma sigla para cinco palavras em Ílus. Estes símbolos estão ao redor de Aehn Ehscia, pois Aehn Ehscia está vinculada a eles: 1) São termos em Ílus (eis o motivo pelo qual o símbolo Ílus Ewon está presente); 2) Suas significações estão vinculadas à cultura Ehrithyum através das Invocações (por isso Ehrithyum Clihviem está presente); 3) Aehn Ehscia é sobre Escrita e Linguagem, únicos meios à transcendência, este ensinamento está na Filosofia Da Consciência Absoluta (cujo nome real é Emnehvss Innom) e por isso o Símbolo Primordial (cujo nome só pode ser revelado aos Iniciados em Ílus) está presente, ele representa os pilares da Filosofia Da Consciência Absoluta. 4) Por fim, O.A.N.N.A. está vinculada à Aehn Ehscia pois foi através de minha essência que Aehn Ehscia veio-a-ser.

Não é necessário conhecer a fundo a simbologia por detrás de Aehn Ehscia para poder usá-la em suas diversas formas, aqui eu apenas esclareço alguns pormenores da significação desta saudação para que todos possam compreender que ela tem seu fundamento e não veio-a-ser desprovida de sentidos. Somente os que se iniciam no conhecimento de Ílus é que podem se aprofundar nos detalhes mais extensos e complexos deste fundamento.

O mais importante é que aqueles que decidirem utilizar Aehn Ehscia em suas existências devem possuir completa consciência do significado disso. Não é apenas uma escolha racional, é preciso transcender, alcançar o plano intuitivo e reconhecer Ehscia, compreendê-la e deixar-se guiar por ela. Nós nos tornamos o que somos a partir dos significados e sentidos que guiam nossa vida; nossos princípios e objetivos estão assentados sobre símbolos. Aehn Ehscia é um símbolo em si mesma, uma representação, uma forma de aproximação de nosso Ser com a nossa Essência — a Linguagem, a Escrita, nossa exímia criação, nosso único meio de transcendência — e com a Essência de tudo o que há e veio-a-ser. 

~