Astenia

 Marianne Stokes - The Young Girl and Death (c.1900)

Marianne Stokes - The Young Girl and Death (c.1900)

Canso-me de todos
Das manias e hábitos
Das palavras e ações
E do jogo que jogam
O jogo da vida
E do tédio.

Todos os que andam
Em um mesmo rumo
Ermos e eufóricos
Grunhindo suas razões
Em montes abismais
Que retornam em eco
Imortal egolatria.

Exausta dos semblantes
D’este todo humano
Homens e mulheres
Rasos e estranhos
Levam-me ao sono
Ao anseio pelo descanso
A sete palmos de paz.

~