Vennuvia Pitaya

Dragon Fruit Tree - Leah Saulnier (2011)

Dragon Fruit Tree - Leah Saulnier (2011)

Que me trazes, ó noite veranil,
Ao sabor qual insistente salivo
Enquanto ardes o corpo esguio
Fazes vir-à-ser a fauna subtil;

D’um cacto, suculenta emerge
Doce a despertar emoções
Com mil excelsas perfeições,
Refulgindo, sua glória converge;

Nas minhas mãos, tenra, seguro
Uma d’estas raridades, degusto,
E’m minha boca deflagra o gozo;

Sinto n’esta polpa a lascívia 
E quem por ela se fascina
Conserva em Sonet’o teu gosto.

~

Pitaia é o nome dado ao fruto de várias espécies de cactos epífitos dos gêneros Hylocereus e Selenicereus, nativas de regiões da América Central e México, também cultivadas em Israel, no Brasil e na China. O termo pitaia significa “fruta escamosa”. É também chamada de fruta-dragão em algumas línguas, como o inglês e em línguas asiáticas. Existem três espécies, todas muito comercializadas pelos seus frutos, que lhes dão os nomes: a pitaia-branca (rosa por fora e branca por dentro), a pitaia-amarela (amarela por fora e branca por dentro) e a pitaia-vermelha (avermelhada por dentro e por fora). Como a planta da pitaia só floresce pela noite (com grandes flores brancas), suas flores são algumas das várias plantas chamadas de “flor da noite”. ¹

SonetosOanna SeltenComentário